Aumenta o som no máximo, das ruas mais um clássico
Falante, bate vai e vem, que nem elástico
Rap estrala nas vitrolas, isso eu já sei
Pega as caixas, e poe pra fora, porque é de lei
Liga os toca discos, e tira os vinil dos case
Abre a roda e chama os manos pra rachar um break
Mais aí, se ilude não, nem tudo é festa aqui
Já tivemos que chorar, pra hoje poder sorrir
Então se liga aí... que a alegria é rara
Dura pouco tipo os "casal" da capa da caras
Para e pensa, tiozão, tá tudo errado
Tamo trocando tiro, e os boys trocando carro
E os irmãos amontoado assim o estado impõe
E o governo acha que cadeia é coração de mãe (mais num é não)
Salve, salve familia segue a trilha cabeça erguida
Coração na palmilha...
O moio instiga, estraga e não avisa
Zé povinho d'uma figa não vem causar intriga
Aqui é os guerreiros que trinca, que veste a camisa
Então se liga e faz a sua e não "roba" minha brisa

Se liga, olha na onde pisa faz a sua cota e não "roba" minha brisa
Se liga, se liga, se liga, se liga

Sabado a tarde na quadra o sol estralava grandão
Eu e dois parça trocava uma ideia de milzão irmão...
Fala da rua, de como os "baguio" ta osso
Lotado de policia é melhor da um tempo nos morro
De repente colou um maluco, mais pra frente do que o futuro,
Falando giria todo pá, de ray ban escuro:
- que tempo que mané? ta marcando? leão na selva aqui não pode ser vegetariano!
E o bicho solto acabou preso, numa jaula,
Longe da selva que tanto gostava
Tem uma drogaria aqui na quebrada,
Que aceita tudo e num pede receita pra nada
Uns pega do verdinho homeopático
Outros botam a biqueira no debito automático
Eu to sossegado só fazendo meu rap
Então não vem pesar na minha e testar minha febre

Se liga, olha na onde pisa faz a sua cota e não "roba" minha brisa
Se liga, se liga, se liga, se liga

Se liga, olha na onde pisa faz a sua cota e não "roba" minha brisa
Se liga, se liga, se liga, se liga

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir