Fechando meus olhos peguei a lembrar
De tudo que um dia tive que deixar
O cheiro da mata, o murmúrio do rio
A brisa gelada nas noites de frio
O campo orvalhado no romper da aurora
Me lembra a rotina da vida lá fora
Rompendo o silêncio um galo a cantar
Anunciando que o dia acabou de chegar.


(Refrão)
Voltando ao passado saudade me dá
De tudo que um dia lá fora vivi
Olhando o horizonte me vejo a voltar
Pro lugar que deixei, mas que nunca esqueci


Se fecho meus olhos pareço escutar
No pé de pinheiro um barreiro a cantar
O vento soprando embalando os trigais
Tamanha beleza não verei jamais
Espalha no ar o cheiro de jasmim
E a fonte de água pureza sem fim
Toda a natureza parece avisar
Que o sol vai se pôr e a noite vai chegar.

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir
Composição: Gilson SiqueiraChocolate / JULIANO BORGES / Marlon Borba · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Alexandre
Viu algum erro na letra? Envie sua correção.