Foto do artista Livre Arbitrio

Lagarta, Casulo e Borboleta

Livre Arbitrio


Eu não ligo para o que vão pensar
estou tentando não me preocupar
com as mudanças e o tempo que passa longe
com o resto que me sobra da sua vida

Você sempre me disse que iria tentar
mas mutação não é um simples crescimento
é aceitar e manuseiar diferenças
achar suas raizes e a minha razão

Enquanto você estava aqui
eu me sentia tão estranho
por não conseguir ser o que não sou
E quando esse dia ter seu fim
a noite não dará razão
pra eu esconder tudo o que eu sou

Eu já estou pronto pra me libertar
o claustro que me prende ha muito enfraquece
e a minha força aumenta a cada dia
eu tanto esperei por essa vida

Não adianta mais se arrepender
estou calmo, mas não consegui esquecer
A juventude é uma caixa de surpresas
que ama ao mesmo tempo em que destroi

Enquanto você estava aqui
eu me sentia tão estranho
por não conseguir ser o que não sou
E quando esse dia ter seu fim
a noite não dará razão
pra eu esconder tudo o que eu sou

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir