Luzes acesas
Girando enfeitadas
Fadas dominam a noite
Tão belas inebriadas
Vivem o lado escuro
Que é tudo que procuro pra mim
Algumas noites assim as coisas não são ruins

Vai, Diana
Abre e fecha a porta
Vadiando e odiando tudo
À sua volta

Marcas vermelhas
No peito encravadas
Olhos, espelhos que veem em si o seu maior legado
É o frio que te dá alguma coisa
Pra continuar e ir
Algumas noites assim as coisas são tão ruins

Vai, Diana
Abre e fecha a porta
Vadiando e odiando tudo
À sua volta

Vai, Diana
Desce o ferro e mostra
Vadiando e odiando tudo
À sua volta

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir

Posts relacionados

Ver mais posts