Todos os sons na mão
Se o espelho fixa o coração
Acende a luz então
E o nosso segredo será popular

Todos os sóis no chão
Qual será o lixo da paixão?
O último verão
O inverno irá revelar
Tão vulgar

Todas de saída
Por que não?
Eu quero todas
Sem nenhuma exceção

Todo esse véu em vão
Quando alguém espia
É uma invasão
É falsa a impressão
Que um dia alguém te dirá
Pode entrar

Entre o sim e o não
Há um amor vadio
Como um cão
Aumenta a pressão
Te espero no mesmo lugar
Venha já
Todas

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir
Composição: Claudio Rabello / Torquato Mariano · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Anderson
Viu algum erro na letra? Envie sua correção.