Sorriso se faz maquiagem
No meu rosto, eu devo demostrar
Pro mundo minhas dores, eu não vou mostra
Eu não vou mostrar

Me sinto navegando em mar revolto
Tempestade nem parece mas eu não vejo cessar
Eu não vejo cessar

Tentei contar nos dedos as minhas amizades
E ai minha surpresa, me restaram 10
Qual é, qual foi, aonde estão os de verdade
A é lembrei, no bolso impresso em papeis
Ultimamente aqueles que metem tão tomando a frente
Só que não entendem que nunca serão a gente

Nunca serão a gente
Eu e as minhas loucuras
Minhas armaduras, minhas madrugadas
Vem do céu minha armadura
Que deixa duro pra qualquer parada

Eu e as minhas loucuras
Minhas armaduras, minhas madrugadas
Vem do céu minha armadura
Que me deixa duro pra qualquer parada

Sorriso se faz maquiagem
No meu rosto, eu devo demonstrar para o mundo
Minhas dores, eu não vou mostrar, eu não vou mostrar

Me sinto navegando em mar revolto
Tempestade nem parece fácil
Não vejo cessar, eu não vejo cessar

Tentei contar nos dedos as minhas amizades
E ai minha surpresa, me restaram 10
Qual é, qual foi, aonde estão os de verdade
A é lembrei, no bolso impresso em papeis

Ultimamente aqueles que metem tão tomando a frente
Só que não entendem que nunca serão a gente

Eu e as minhas loucuras
Minhas armaduras, minhas madrugadas
Vem do céu minha armadura
Que me deixa duro pra qualquer parada

Eu e as minhas loucuras
Minhas armaduras, minhas madrugadas
Vem do céu minha armadura
Que me deixa duro pra qualquer parada

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir