Como é triste viver tão sozinho
Eu não sei d'onde vem tanta dor
Quem não sofre não sabe o que sente
Coração ferido chorando de amor

Como eu era feliz em teus braços
Todo o amor que eu tinha eu te dei
Como um sonho que te trouxe a mim
De mim te levou e sozinho eu fiquei

Hoje eu canto, prá esquecer
A ingrata que me faz sofrer
Hoje eu canto, prá esquecer
A ingrata que me faz sofrer.

Implorei tantas vezes a deus
A té mesmo pedi pra morrer
Que será que eu fiz neste mundo
Que até mesmo a morte não quis vim me ver

Já morei em outras terras distantes
Procurando este amor esquecer
Não há nada que apaga esta ingrata
Que tanto maltrata o meu pobre viver.

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir