Sebastião, come tudo tudo tudo
Sebastião, come tudo tudo tudo

Makalakatu mandou tirar
Toda a chapa que tinha no cofre fez uma finta pró seu cafokolo ééééé
Argumentou que é pra alegria da malta
Pois assim será melhor.

O bom povo vive a correr
Sofrimento de todos os dias

Para contentar a maralha
Mandou vir mais vinho e música do estrangeiro
Comprou mais uma casa em cascais
Meu sambizanga e rangel continuam musseques

O bom povo vive a correr
Sofrimento de todos os dias

Oh, ora vejam só
Ora, vejam só
Katé o filho do muadié um barriga cheia
Anda num bruto carrão
Mas o filho do pepé num tem um pão pra levar na escola
Na nossa terra

O bom povo vive a correr
Sofrimento de todos os dias

Ngana zambi toma medida
O iluminado do cafokolo
Ele que toma barriga e toma cabeça
O makalakatu do cafokolo
Ele é sorridente mas é salalé
O makalakatu do cafokolo

O bom povo vive a correr
Sofrimento de todos os dias

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir