exibições 498
Foto do artista Péri

Colares

Péri


Tire seus pés de caminhãode cima do meu peito
Deixe eu ficar aqui com meus botões
Arranque o dedo da minha garganta que eu não posso respirar
O nosso caso foi tão imperfeito, às vezes sonho, às vezes ilusões
Se o amor foi grande a dor foi tanta não pudemos suportar

A água seca o fogo
Meu poço que não tem saída das cinzas que eu guradei
Vou reinventando a vida
As fotos eu queimei, Colares eu parti
Se alguma coisa ainda deixei fica por conta do que esqueci

Já estanquei o que me consumia
Desisti de amar você
Mas ainda vivo essa agonia
Não consigo te esquecer

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir