Sermão é só pra quem tem
Envergadura moral você não tem
De perto todos são doidão
A louça cresce, as roupa fede, lá vem o palavrão

Pasta de dente sem tampa
Sujeira debaixo da cama

Desde que você veio morar, minha vida é um inferno
O inferno mais bonito que se há
No planeta Terra
Às vezes eu reclamo, mas eu tô sempre de pé

O dia mal começou
Eu vejo vinte shampoos vazios no box do banheiro
Cabelo no ralo da pia
Em 2012 o mundo não se acabou, mas a paciência sim

Pasta de dente sem tampa
Sujeira debaixo da cama

Desde que você veio morar, minha vida é um inferno
O inferno mais bonito que se há
No planeta Terra
Às vezes eu reclamo, mas eu tô sempre de pé

Desde que você veio morar, minha vida é um inferno
O inferno mais bonito que se há
No planeta Terra
Às vezes eu reclamo, mas eu tô sempre de pé

O inferno mais bonito que se há
No planeta Terra
Às vezes eu reclamo, mas eu tô sempre de pé
Sempre de pé

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir