Pois é, nada haver
Eu não consigo mais
Entender quem aqui é você
Entender quem aqui sou eu
Mas há quem diga que somos um belo par

Difícil é entender
Como é que é normal
Eu me apoiar em você
Pra achar a vida legal
E há quem diga que sou só um grande boçal

Mas é em você que eu vou encostar
Que já cansei de investigar, e achar só um absurdo
Ter que ficar mudo
Quando alguém vem me criticar
Que eu devo me livrar de você
E enfrentar de vez o mundo
Sim é absurdo!!

Pois é, nada haver
Eu não consigo mais
Entender quem aqui é você
Entender quem aqui sou eu
Mas há quem diga que somos um belo par

Difícil é entender
Como é que é normal
Eu me apoiar em você
Pra achar a vida legal
E há quem diga que sou só um grande boçal

Mas é em você que eu vou encostar
Que já cansei de investigar, e achar só um absurdo
Ter que ficar mudo
Quando alguém vem me criticar
Que eu devo me livrar de você
E enfrentar de vez o mundo
Sim é absurdo!!

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir