Eu peço perdão
Mas seus sermões nunca servem pra nós
Que já promovemos o maior frisson
Quando excluímos do acordo de paz
O meu e o seu corpo
Ninguém mais

Foi um ato sóbrio
A violência saudável
Que resultou do sonoro embate
Dos nossos ossos

Eu ouço seu não
Como quem ouve doçura de mãe
Emendo seus cortes porque não é bom
Inaugurar só o que pode durar
Efeito de um fogo
Que é meu pai

Foi um ato sóbrio
A violência saudável
Que resultou do sublime combate
Dos nossos ossos

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir