Aqui estou de peito aberto
Pra explorar seu mapa incerto
É questão de fé
Meu caminho deu
Na sua porta aberta

Eu entro na escuridão
Do seu universo em pó
Eu não trago solidão
Você quer saber quem sou?
Ninguém sabe o que é ninguém

Aqui estou de peito aberto
Pra capinar seu pasto infértil
É questão de fé
Meu caminho deu
Na sua porta aberta

Eu entro na escuridão
Do seu universo em pó
Eu não trago solidão
Você quer saber quem sou?
Ninguém sabe o que é ninguém

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir