Conseguiram amarrar minhas mãos, mas não calaram a minha boca
Tentaram arrancar meu coração, mas só rasgaram minha roupa
Onde de prêmio me deram apenas uma chance por dia
De olhar pela janela só pra mim sentir a brisa
E vê se dá coragem de me jogar nesse mundão
Saber que a cada paisagem que ofusca na multidão
São pessoas que segrega até o próprio familiar
Por não ter uma condições melhor não pode se juntar

É triste mas não comove a maioria hoje em dia
Que feliz só fica quando o dinheiro cai na caixinha
Não perde nada, se aproveita até uma gota de suor
Mas não aproveita o respeito que já virou pó
É fácil julgar quando não conhece a matéria prima
Quando não sabe a substância que a mesma fortifica
How, faz silêncio por favor, vai eu explico
Já que da sua vida, você não cuida por instinto
Está ocupado tentando saber tudo que acontece
Desde a primeira linha até a última, procede?
Arrebenta a corda e deixa que tudo caia ao solo
Já que o brasil está participando de um grande velório

Então caça meu mandato e mostra o que eu fiz
Mais uma eleição e eu não votei nesse infeliz
Vai, vai, aplaude mais um pouco
O mesmo que amanhã irá limpar seu bolso

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir