Amanheceu mais um dia, cadê a paz?
Disseram que ela saiu fora não volta mais
Pois cansou de levar pedrada até do inocente
Aliás, percebeu que aqui tudo ta diferente
Ninguém estende a mão pra ajudar o próximo
Ostentam o que não tem mostrando ser o máximo
E a cada passo uma queda por mal olhado
Onde se levanta só quem junta os pedaços
Poucos são esses que assim como eu
Ainda canta pra quem quer ouvir entendeu
Já que muitas vozes se calaram quando viram
Os malotes sob a mesa, contratantes insistindo
Pra mudar de opnião, basta um estalar de dedo
Denunciar o escuro da quebra não é segredo
Pessoas com medo, algumas saindo cedo
Procurando outro lugar, procurando um emprego
E eu sou mais um, nessa luta diária
Pedindo pra Deus me proteger nessa jornada
Onde a maldade sorri te arrastando de canto
Confundindo sua mente destruindo seu lado brando

Salve pai, salve nós
Já que meu povo está quase sem voz
Salve pai, salve a todos
É hora de nós virarmos esse jogo

E de joelhos mais uma Dona Maria
Rezando pra que o filho volte no outro dia
Ainda vivo pois tem muitos que não voltaram
Sairam pra trabalhar e até hoje não retornaram
É, fica difícil poder contar com a segurança
Pois no Brasil é a que está em liderança
No ranking onde mais morre inocente por eles
Matam por hobby só pode, ou até pela sede
De vê um de nós cair sob o solo
Mas driblei o sistema e hoje to no pódio
Mostro que quem tem fé alcança o que quer
Principalmente quando muitos o tiram de mané
Digo por experiência, já que nessa eleição
Nem sei em que votar já que todos são ladrão
E a educação nossa é escassa, da pra vê
Que até pra escrever, temos deficiência
Solução no Brasil é mudar o que o povo pensa
Bando de hienas que se aliena com falsários
Acreditando só em contos do vigário
Por isso eu voltei pra deixar esse legado

Salve pai, salve nós
Já que meu povo está quase sem voz
Salve pai, salve a todos
É hora de nós virarmos esse jogo

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir