exibições 4.593

Quasar do Sertão

Zé Ramalho


Nossa dor congelada
Como um grande tesouro
Nossas faces geladas
Envoltas em brilhos
Profundas belezas
Na fúria incontida
Poço das paixões
Com as fomes do homem
Com o samba nas cores
Com os olhos em chamas
Na força da fogueira
E o pulsar da madeira
No quasar do sertão
E essa lâmina brilha
Como sabres de ouro
Desprendendo vertigens
Final das cacimbas
Impactos de aríete
E o pulsar do minette
No quasar do sertão

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir