Mulheres na música: as grandes cantoras que fortaleceram o cenário musical

Listas musicais · Por Érika Freire

7 de Março de 2020, às 19:00

Com os movimentos de luta pela igualdade de gênero iniciados no século 20, as mulheres não conquistaram apenas uma data a ser celebrada anualmente; elas também abriram espaços para estarem onde desejarem, principalmente no mundo da música

Elas descobriram o seu poder interno e mostraram talentos antes reconhecidos apenas nos homens!

Assim, a escolha do dia 8 de março como sendo o dia Internacional da Mulher foi o primeiro impulso nessa luta pela igualdade entre os gêneros, e as mulheres permanecem até hoje em busca de uma sociedade mais justa e igualitária em todos os setores.

A seguir, reunimos alguns nomes de grandes mulheres na música que você precisa ouvir!  

Mulheres que fizeram história na música

Confira só essa seleção especial em homenagem ao Dia Internacional das Mulheres: essas artistas com certeza tornaram a música uma arte muito mais grandiosa e especial.

Elis Regina

A potência vocal e o talento de Elis Regina jamais serão esquecidos. Nascida em 1945, em Porto Alegre, Elis foi considerada uma das vozes mais representativas do Brasil.

Seu estilo musical predominante era a bossa nova, mas seu talento também permitiu participações no samba, no jazz e na MPB. 

Elis Regina
Créditos: Divulgação

A música Como Nossos Pais, composta por Belchior, foi um de seus maiores sucessos.

Marisa Monte

Nascida em 1967, no Rio de Janeiro, Marisa Monte é um dos principais nomes da MPB com letras que falam sobre o amor e questões sociais. Ela é compositora, multi-instrumentista e já vendeu mais de 10 milhões de álbuns.

Marisa Monte
Créditos: Divulgação

Tem sete álbuns gravados em sua carreira solo e dois com a banda Os Tribalistas. Seu trabalho Memórias, Crônicas e Declarações de Amor, lançado em 2000, traz a bela canção Não Vá Embora. O álbum venceu o Grammy Latino como Melhor Álbum de Pop Contemporâneo Brasileiro

Pitty

Nascida em Salvador em 1977, Pitty passou por algumas bandas de punk rock antes de iniciar a sua carreira solo. 

Pitty
Créditos: Divulgação

Ela lançou o seu primeiro single, Máscara, em 2003, música que logo dominou as principais paradas de sucesso. Entre suas influências estão o Faith No More, Queens Of The Stone Age, Nirvana, Raul Seixas, entre outros. 

Rita Lee

Aos 72 anos e com muito rock and roll na veia, Rita Lee se consagrou no cenário musical e se tornou uma das mulheres mais influentes da música. Antes da carreira solo, fez parte da banda Os Mutantes ao lado de Arnaldo Baptista e Sérgio Dias. 

Rita Lee
Créditos: Divulgação

Sucessos como Ovelha Negra, Desculpe o Auê e Agora Só Falta Você alcançaram o topo das paradas. Ela tem cerca de 18 álbuns gravados, sendo o mais recente Reza, lançado em 2012.  

Cássia Eller

Cássia Eller nasceu no Rio de Janeiro, em 1962, e lançou 6 álbuns em sua curta carreira. A artista, que se destacou pela voz potente e pelas composições sensíveis, faleceu jovem, com apenas 39 anos, em 2001. 

Cássia Eller
Créditos: Divulgação

Durante sua carreira, interpretou de forma grandiosa artistas como Cazuza, Rita Lee, Chico Buarque, entre outros. Por Enquanto, apesar de ter sido escrita por Renato Russo, ganhou uma belíssima versão feita por Cássia e é uma música lembrada com alegria pelos seus fãs até hoje. 

Elza Soares

Um ícone da música brasileira, Elza Soares nasceu no Rio de Janeiro em 1930 e desde criança sonhava em cantar. Viúva aos 21 anos e com 6 filhos para cuidar, ela fazia faxina e continuava com o desejo de se tornar cantora.

Elza Soares
Créditos: Divulgação

Em 1953 decidiu participar de seu primeiro concurso musical no programa de rádio Calouros Em Desfile. Mesmo tendo sido ridicularizada pelo apresentador do programa, Elza não se abateu. Na década de 60, finalmente conseguiu se dedicar e viver apenas da música.

A canção Mulher do Fim do Mundo é de 2015 e faz parte do álbum de mesmo nome, o primeiro de músicas inéditas da artista. 

Maria Bethânia

Ela é a quinta maior voz da música brasileira, título concedido pela Rolling Stone. Maria Bethânia tem mais de 50 anos de carreira e já alcançou a marca de 26 milhões de discos vendidos.

Os feitos da grande cantora não param por aí: ela foi a primeira mulher a vender mais de 1 milhão de discos no Brasil.

Maria Bethânia
Créditos: Divulgação

Nascida em 1946 em Santo Amaro, Bahia, Bethânia estreou nos palcos oficialmente em 1965, mais precisamente no dia 13 de fevereiro. A canção Onde Estará o Meu Amor faz parte da trilha da novela Amor de Mãe e representa a personagem Lurdes.

Saiba mais sobre a trilha sonora da novela Amor de Mãe

Clara Nunes

Uma das maiores cantoras brasileiras de todos os tempos, Clara Nunes nasceu em Paraopeba, Minas Gerais, em 1942. Ela sempre buscava conhecer outros ritmos, por isso pesquisava a Música Popular Brasileira e viajava para conhecer as tradições.

Clara Nunes
Créditos: Divulgação

Clara tinha como grande paixão o samba e sua escola era a Portela. Foi uma das cantoras que mais gravou canções dos compositores dessa escola de samba. 

Lançou 16 álbuns, sendo o primeiro A Voz Adorável de Clara Nunes, de 1966. A canção O Mar Serenou foi lançada em 1975 e faz parte do álbum Claridade

Adriana Calcanhotto

Adriana Calcanhotto nasceu em Porto Alegre, em 1965. O estilo dela varia entre MPB, samba, pop, baladas e bossa nova. Ela se destaca como uma das principais mulheres na música nacional, tendo 18 trabalhos lançados e diversas músicas como trilha sonora de novelas.

Adriana Calcanhotto
Créditos: Divulgação

Sua canção Mentiras é um de seus grandes sucessos, com letra que fala sobre um amor doentio, escancarando a dor causada por alguém que foi embora.  

Conheça Margem, o último disco da trilogia sobre o mar feito por Adriana Calcanhoto

Nina Simone

Cantora, compositora e grande pianista, Nina Simone foi um dos maiores nomes femininos do jazz e da música soul. Nasceu nos Estados Unidos em 1933 e faleceu em 2003.

Nina Simone
Créditos: Divulgação

Ela começou a estudar piano aos 6 anos e ficou conhecida não apenas por sua potente voz, mas também pelas composições e pela luta contra a desigualdade racial

Um dos destaques é a sua música Mississippi Goddamn, que se tornou um hino ativista da causa negra após relatar o assassinato de 4 crianças em uma igreja em Birmingham, Inglaterra, em 1963.

Madonna

A Rainha do Pop, Madonna, dispensa apresentações. Ela já vendeu mais de 300 milhões de discos no mundo inteiro, é uma excelente compositora e dançarina e tem 14 trabalhos de estúdio gravados, sendo o último Madame X, com a participação de Anitta e Maluma. 

Madonna
Créditos: Divulgação

Madonna nasceu em 1958, em Michigan, Estados Unidos, e revolucionou a música pop no mundo todo. Ela já esteve no Brasil 8 vezes e nunca é suficiente para os fãs, que amam os shows da rainha. Entre seus sucessos, destaque para Take a Bow, Like a Virgin, La Isla Bonita e Vogue

Whitney Houston

Whitney Houston nasceu em Beverly Hills, em 1963, e faleceu em 2012. Além de ter se tornado uma grande cantora de voz potente e afinada, foi atriz, modelo, produtora e compositora e era frequentemente comparada a grandes cantores, como Frank Sinatra, Aretha Franklin e Elvis Presley.

Whitney Houston
Créditos: Divulgação

Lançou sete álbuns de estúdio, além de coletâneas, e foi considerada, em 2009, a artista mais premiada de todos os tempos, de acordo com o Guinness World Records.

O sucesso I Will Always Love You é uma composição da cantora norte-americana Dolly Parton, mas que ficou mundialmente conhecida na voz de Whitney Houston. 

Aretha Franklin

Considerada a rainha do soul, Aretha Franklin nasceu em Memphis, em 1942. Foi o verdadeiro ícone na música negra, variando entre diversos ritmos, como rhythm & blues, soul, jazz, blues e gospel. A cantora faleceu em 2010 devido a um câncer no pâncreas.

Aretha Franklin
Créditos: Divulgação

Ela ganhou um grande reconhecimento com a canção I Say a Little Prayer e também por sua flexibilidade vocal e habilidade no piano. Foi premiada diversas vezes, sendo uma das cantoras que mais ganhou Grammy (ao todo foram 21!) .

Janis Joplin

Janis Joplin nasceu em Port Arthur, em 1943, e ficou um breve período no Brasil para participar do carnaval e tentar se tratar do seu vício em drogas. Morreu aproximadamente oito meses depois da sua viagem por aqui, aos 27 anos, de overdose. 

Janis Joplin
Créditos: Divulgação

Ela se destacou no rock psicodélico, mas seu talento e sua voz permitiram criações em diversos estilos.  

Lançada em 1969, a música Piece Of My Heart, atingiu o 1º lugar nas paradas da revista Billboard.

Continue se empoderando

Que tal continuar a comemoração do Dia Internacional das Mulheres com seleção especial que reúne grandes frases feministas encontradas em música? Aproveita e já separa as melhores para usar nas redes sociais! 

Frases feministas