Quando você passar vou acender as luzes, fingir que
estou com alguém e aumentar o volume.
Comemorar a solidão e o esquecimento daquele que nunca acreditou em si mesmo.
A cansaço e mentira tudo se resume.
Não há nada no mundo a que eu não me acostume.
Tão merecida é a solidão e o esquecimento de quem nunca se
deu valor, perdendo tanto tempo.
Quanto esforço tenho que fazer pra que você se esforce pra gostar de mim?
Os sonhos de quem só espera e torce tem que ser sempre
assim sem início e fim?
Se eu estou para trás posso estragar muito mais?
Se apenas começou, você não sabe do que eu sou capaz.

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir