Mais que qualquer julgamento, me afeta essa sua conivência eterna. não importa quão idiota eu seja, estragando o que você planeja, me destruindo só pra que você veja, pensando em ti aonde quer que esteja.
Muitas vezes eu caí. e levantei esperando mais que risos ouvir. querendo dividir meus sentimentos me isolei ainda mais.
Preciso de um tempo. descobrir o que está por trás desse comportamento. e quando estiver só e aceitar ser uma boa companhia pra mim mesmo, então de nada mais vai importar se o que você sente é indiferença ou cumplicidade. será o fim de minhas reclamações, rebeldia e auto-piedade covarde.
Afinal, de que me adiantou ser tão promissor e nada mais?

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir