Goteira

Indy Naíse

exibições 429

Hey gota suada de chuva que cai
Na cova magra da minha clavícula
Despenca e passa e desce e flui

Porção molhada de água contorna o
Desenho da minha barriga
Me afaga excita e me seduz

Me lava, me lava, a lava esfria os rubros
A lava vermelha, tão quente esse absurdo
Me leva me leva no orvalho desse arbusto
Me eleva, releva o plano desses moços

Vai chover, vai chover aqui
Vai chover, vai chover aqui
Vai chover, vai chover aqui
Por dentro

Uma nuvem cinzenta
Vem anunciar que uma chuva
Sem fim vai cair
Nos telhados dessas ocas
Dos buracos das barracas

Uma água gelada chega para abrandar
Uma ânsia que nunca se aquieta
Nos meus dedos serpenteia
Nas falanges, sobrancelhas

Vai chover, vai chover aqui
Vai chover, vai chover aqui
Vai chover, vai chover aqui
Por dentro

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir