Cadeado

Confortável padrão
e um futuro guiado por um chofer
abrir mão da razão
E destruir tudo que há em você

Ninguem escolhe ser quem é
Mas pode se conformar e então
Ocupar o seu espaço!

O mundo tende a nos fazer de asfalto
Mas sonho alto com os pés no chão

Qual de nós irá se render
Aos espinhos no caminho
à própria luz?

Talvez a vida exija um pouco mais
de quem pretende ir além
do que a sociedade enxerga como
futuro ideal!

Quato vale a certeza
meio a vida sem sal?
Correr o risco, a maior dádiva
dos homens livres do convencional

Não passarei os dias
Nessa espécie de prisão domiciliar

Confortável padrão
e um futuro destinado a sofrer
Abrir mão da razão,
E destruir qualquer sentido
de estar aqui.


http://www.facebook.com/pages/Malvina/230487436994321
www.myspace.com/malvinabr

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir