Abra os olhos
Encare a cidade
Inverta a verdade
Dessa vida

Abra os olhos
De sua metade
Pra outra metade
Sem saída

Abra os olhos
E assuma os enganos
De 500 anos, cara pálida
Abra os olhos
Que a fome te assalta
E a gente se mata pelos canos

Nós somos bandido da América
América, América
Roubamos 100 anos de solidão
Solidão, solidão
Explodimos o sonho da África
O inconsciente da África
Dizendo não ao não

Salve a dor
Salvador
Salve a dor da América

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir

Posts relacionados

Ver mais posts