Vem a lua mansa, suave, sorrateira
Magicamente só
Desponta pontuando em mim doce ilusão
Claro que clara invade
Este céu, esta paisagem
E quanto mais cresce mais evanesce
Doce ilusão
Toca clara, som, nata luz
Devota amiga que me comove
E de longe então me diz:
"Pelo menos tem alguém feliz"
Me aconselho com essa imensa solidão
Doce ilusão

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir
Composição: Roberto Mendes-Jorge Franklin Pereira. Essa informação está errada? Nos avise.
Enviada por Karina. Revisão por jorge. Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais posts