exibições 311

Em Nome do Pai

UBERRO


Oh meu Deus, pai de todos
A grande coqueluche de um mercado novo

Subordinados fiéis
Indecorosos cartéis
Alienados soldados suicidas
Monitorando as nações
Acumulado milhões
Remapeando fronteiras e divisas

Falsidade, ceticismo, santidade, exorcismo
Crueldade, fanatismo, castidade, terrorismo

Oh meu Deus, pai de todos
A grande coqueluche de um mercado novo

Matam pela fé, morrem pela fé, pagos pela fé
Pra muitos, esperança, pra alguns intolerância, pra guerra uma razão (Alcorão)
Querem o seu sangue no altar
Tudo que puder doar
Querem você "crente" que não tem gente melhor pra salvar,
Eh, melhor pra salvar...

"Meu filho pegue AIDS mas não use camisinha,
não cometa esse pecado, seja casto, retardado
Sempre puro e dedicado ou se não, não vai pro céu,
cairá entre os mortais, Satanás será cruel!!!"

Oh meu Deus, pai de todos
A grande coqueluche de um mercado novo

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir

Posts relacionados

Ver mais no Blog