As melhores músicas do KARD, o grupo misto do k-pop

#kpoppers · Por Karoline Póss

9 de Agosto de 2020, às 19:00

O KARD é um dos raros grupos mistos do cenário do k-pop e tem chamado a atenção principalmente do público latino, inclusive dos brasileiros, com seu ritmo eletrizante e pra lá de ousado. 

Se você ainda não ouviu falar deste quarteto formado por J.Seph, BM, Somin e Jiwoo, está mais do que na hora de mudar essa realidade!

Por isso, separamos as melhores músicas do KARD para você ouvir e entrar de uma vez por todas para o Hidden, o fandom que mais cresce no Brasil e no mundo. 

As 12 melhores músicas do KARD

Sua playlist está prestes a ser virada de cabeça para baixo com esses hinos: 

Oh NaNa

Ainda antes de sua estreia oficial, o KARD já chamava a atenção na indústria do k-pop com seus singles pré-debut

O primeiro deles, Oh NaNa, foi lançado em dezembro de 2016 e apresentou o quarteto para o mundo com a participação especial da cantora Heo Youngji, que fez parte do grupo feminino KARA.

Don’t Recall

O ano de 2017 começou com o quarteto trazendo mais um hit: Don’t Recall! A música foi lançada em fevereiro e no mês seguinte revelou sua versão hidden, cantada em inglês e trazendo uma pequena inversão na distribuição da letra entre os integrantes. 

Era um novo passo do KARD rumo ao domínio do mercado internacional!   

Rumor

O último trabalho do KARD antes de sua estreia foi Rumor, que até hoje é uma das músicas preferidas do grupo que desde cedo já agregava a sonoridade latina.

É tão incrível que dá até pra aprender um pouco de coreano prestando atenção na letra: 

너무나 힘들어 (neomuna himdeureo)
É tão difícil
괜찮은 척하는 것도 (gwaenchanheun cheokhaneun geosdo)
Fingir que está tudo bem
친구들 말로 말로 말로는 (chingudeul mallo mallo malloneu)
Meus amigos me disseram, me disseram, me disseram
이미 넌 누군가 생겼대 (imi neon nugungaga saenggyeossdae)
que você já encontrou outro alguém

Hola Hola 

O debut oficial do KARD foi realizado em julho de 2017 com Hola Hola, uma faixa colorida e good vibes que combina perfeitamente com o verão, a estação da época na Coreia, tanto que foi um dos trabalhos mais aclamados do grupo por lá. 

O clipe foi gravado durante a primeira turnê do grupo nos Estados Unidos — que também esteve no Brasil durante o período de pré-estreia, marcando a primeira de muitas viagens ao nosso país!

Dímelo 

No verão de 2018, o grupo lançou Ride On The Wind, mas queremos mesmo é falar da b-side Dímelo.

Enquanto muitas músicas do k-pop trazem uma mistura de coreano e inglês, o KARD apostou no mercado latino ao agregar trechos em espanhol, uma forma que o grupo encontrou de retribuir o amor dos fãs daqui. Yo te quiero así!

Knockin’ On My Heaven’s Door

O mini também traz uma das músicas mais diferentes da discografia do grupo: Knockin’ On My Heaven’s Door tem uma pegada super relaxante, bem paradisíaca, com raps e cantos se completando. 

Mesmo não sendo uma música principal, ganhou uma coreografia super complexa: 

Bomb Bomb 

Se você já estava apaixonado pelo KARD, prepare-se para se entregar de vez: Bomb Bomb chegou com tudo! A música é super dançante e conquistou muitos novos Hidden com seu MV extremamente bem produzido, que enfatizou a beleza e o carisma próprios de cada integrante. Impossível ficar parado com esse refrão! 

O grupo voltou ao Brasil em 2019 e o Letras teve a honra de receber um vídeo mais do que incrível do nosso quarteto preferido cantando Bomb Bomb em português! Se depender da gente, eles já podem ficar morando por aqui!

Dumb Litty 

Dumb Litty, lançada mais pro finalzinho de 2019, foi a era mais marcante do grupo em termos de visuais: o conceito resgatou elementos da mitologia grega com cada integrante representando dois deuses

BM foi Thor e Zeus, J.Seph foi Ares e Dioniso, Jiwoo foi Hera e Atena enquanto Somin viveu Afrodite e Clóris.

Inferno

O grupo também se separa em duplas para algumas músicas especiais: Inferno é produzida pelo BM e contou com o apoio J.Seph, dando origem a esse dueto de hip-hop sensacional que mostra toda a força dos rapazes do KARD:

Enemy 

E as meninas também lançaram uma música para aquecer o coração dos fãs! Enemy mistura partes cantadas com paixão e firmeza, enfatizando ambas feminilidade e determinação de Somin e Jiwoo

Elas até podem ter estilos diferentes, mas se completam quando estão juntas! 

Red Moon

O comeback mais recente do grupo dá continuidade a essa pegada mais forte e super eletrônica do KARD: a batida de Red Moon é pesada, mas não silencia os vocais e raps dos integrantes que, cada qual com seu próprio tom, entregam uma harmonia perfeita que só o maior grupo misto do k-pop tem para oferecer

Go Baby

O mini-album de Red Moon trouxe ainda a faixa Go Baby, que parte com elementos mais tropicais. A performance com uniformes escolares mostra um ar mais jovem e refrescante do versátil grupo, mas sem deixar a sua típica ousadia de lado:

Não pense em voltar para mim pateticamente
Quem seria louca para te aceitar de volta?
Entenda isso de umas vez, porque não irei falar novamente (Woah Oh)
Fxxx-se você e seus amiguinhos estúpidos (Woah Oh)

KARD e mais k-pop no Brasil

Com muita maturidade, sensualidade, talento e carisma, o quarteto rapidamente transformou o Brasil em um de seus maiores centros de fãs no mundo todo! 

O grupo misto já esteve por aqui cinco vezes e, enquanto eles não voltam, você pode relembrar os inesquecíveis shows do KARD e de outros nove grupos de k-pop no Brasil.

k pop brasil

Receba os melhores posts do blog em seu e-mail

Assine a newsletter gratuitamente e descubra mais sobre o mundo da música


Por favor, insira um e-mail válido.

Obrigado por assinar a nossa newsletter! 😊

Ops, rolou um erro na inscrição. Tente novamente mais tarde.