Por várias vezes já tentei falar
Têm poucos para ouvir, muitos pra escutar
Os desanimados, o rap tá embaçado
Nóis somo movimento, mas tamo parado
Fazer o que né? Os dois lado da moeda
Uns tão envolvidos, outros tão de paraquedas
É favelado querendo ser boy, boy querendo ser favela
Mas no final,quem corre mesmo por ela?!

Vou dar um salve, pra quem não sabe
O rap tem base, baguio não é fase
Hoje a favela é moda nas tela
Cidade de Deus, Tropa de Elite, Novela
Noiz grava disco, lança livro, faz até sarau
Noiz lava alma e depois põe pra secar no varal
Toca nos carros, toca nas rádios
Enche a autoestima, tipo torcida no estádio
É que meu povo, chega somando
Só que pros boy, ainda só sou mano
Que fala na gíria, de treta e de túmulo
moleque brilha e eles acham o cúmulo
Finge que não gosta, despreza, desfaz
Duvido! Que eles nunca ouviu Racionais
Poucas palavras, tio, vou ser breve
Se a história é nossa deixa que noiz escreve!
escreve, escreve, escreve

Xô eu falar, antes que cê esqueça
Mundão tá louco, de ponta-cabeça
Por 10 real a mulher mata o Amazzio
Princesa vira bruxa por anel de topázio
E a morte, é um bom jeito de ganhar a vida
Que o diga, as funerárias, e as polícia
Pra quem vive da merreca dos burguês
Pior que o fim do mundo, é só o fim do mês
De vez em quando ainda alimento o meu sonho
Quando a esperança entra na reserva, eu componho
Transformo em rima, tudo o que eu passo, isso é o que faço
Rap é arregaço!
Não quero ganhar, eu quero é vencer!
É bem diferente, deu pra entender?
Poucas palavras, tio, vou ser breve
Se a história é nossa deixa que noiz escreve!
Escreve, escreve, escreve

[Renan]
Um salve a todos aqueles que escreveram e continuam escrevendo a nossa história com legitimidade
Preto Góes, G.O.G, Sérgio Vaz e toda coperifa, Alessandro Buzo Suburbano convicto
Ferréz e Umdasul, Sacolinha, Élo da corrente, Edições Toró, Jéssica Balbino
Alexandre de Maio, Rap Brasil, Brás 77, DJ TR, Toni C, Nelson Maca
E tantos outros. Vida longa a Literatura Marginal... Inquérito)

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir