Ahahahahahaha!
Paga lo que deves
Vamos voltar a pilantrar
Uma musiquinha
Prá machucar os corações
Xá comigo

Nem vem que não tem
Nem vem de garfo
Que hoje é dia de sopa
Esquenta o ferro
Passa a minha roupa
Eu nesse embalo
Vou botar prá quebrar
Sacudim, sacundá
Sacundim, gundim, gundá!

Nem vem que não tem
Nem vem de escada
Que o incêndio é no porão
Esquenta o tamanco
Desse beco no chão
Eu nesse embalo
Vou botar prá quebrar
Sacudim, sacundá
Sacundim, gundim, gundá!

Nem vem!
Numa casa de caboclo
Já disseram um é pouco
Dois é bom, três é demais

Nem vem!
Guarda teu lugar na fila
Todo homem que vacila
A mulher passa prá trás

Nem vem que não tem
Nem vem com sagres
Qu’o negócio é super bock
Segura esse samba
Aguenta esse rock
Vai nesse embalo
É só botar prá quebrar
Sacudim, sacundá
Sacundim, gundim, gundá!

Nem vem que não tem
Prá virar cinza
Minha brasa demora
É esquentou meu papo
Mas eu já tou indo embora, gente
É nesse embalo
Vou botar prá quebrar
Sacudim, sacundá
Sacundim, gundim, gundá!

Nem vem!
Numa casa de caboclo
Já disseram um é pouco
Dois é bom, três é demais
Quem vem!
Guarda teu lugar na fila
Todo homem que vacila
A mulher passa prá trás

Mulhé, esse animal delicado!

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir