Pedalei de bicicleta, viajei a noite inteira,
A viajem era medonha me dava uma suadeira.
Pedalei de bicicleta, viajei de madrugada,
A lua brilhava no céu derretendo em cacos de vidros, o mago o deixava

Era eu e o dr hoffman e um druida pirado,
Jogava em seu caldeirão pó de centeio mofado.
Curtia sua alquimia provei da sua poção,
Balas, docinhos e magia saim do caldeirão.
Viaje loucura eu vivia dia e noite, noite e dia, dia e noite, noite e dia

Pedalei de bicicleta parado eu estava correndo,
E tudo em minha volta estava se derretendo.
A terra estava afundando e o céu estava descendo,
E todos os louco lesados com que esta acontecendo
Pedalei de bicicleta, viajei a noite inteira

Pedalei de bicicleta, viajei a noite inteira,
A viajem era medonha me dava uma suadeira
Pedalei de bicicleta, viajei de madrugada,
A lua brilhava no céu derretendo em cacos de vidros
O mago o dechavava
Viajei de bicicleta, pedalei a noite inteira

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir